Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Que Amor É Este

"without music life would be a mistake" Friedrich Nietzsche

Que Amor É Este

#103 É só uma canção - 1.02

1.02  Solange - Cranes In The Sky 

 

Sendo isto uma rubrica que abraça uma só musica de cada vez este inicio vai parecer estranho mas tem mesmo que ser dito. Existem por estes dias(e de á alguns anos para cá)pouco mais de uma mão cheia de discos que aconteça o que acontecer eu volto sempre e nunca saem das minhas playlists. O "A Seat At The Table" da Solange é um desses discos.

Para dar um bocadinho de contexto, a Solange apareceu na minha vida em 2014, não por ser irmã da Beyonce, mas por causa do super viciante single "Losing You". Uma daquelas musicas que não saem da cabeça e que ficam no loop dias e dias. No entanto o amor a serio por ela chegou com este disco de 2016, super equilibrado, cheio de colaboração preciosas e uma perola dentro do r&b e da soul. 

Podia ter escolhido a "Don´t Touch my Hair" feita em colaboração com o Sampha, e juro que foi uma batalha renhida, mas no fim o meu coração hoje foi ganho pelos beats e suavidade da Cranes in the Sky.

 

Escrita oito anos antes do lançamento do disco,e na ressaca do fim do casamento da Solange, "Cranes in the Sky" é uma obra de arte, em tudo, desde a melodia, passando pela letra e acabando no vídeo. 

A musica aborda os demónios porque todos passamos no fim de uma relação e a forma como sem sucesso vamos tentando distrair a nossa mente (e o coração) da dor. Vamos tentando esquecer que ela existe, mas no fim somos sempre vencidos e engolidos por ela, por mais que o álcool, as compras, dançar ou trabalhar posso servir como escape, nunca podemos fugir de algo que não foi completamente ultrapassado, resolvido e sofrido. 

Estão a ver aquilo que eu vou dizendo sobre as melhores musicas serem aquelas que são feitas de coração partido? Pois....

 

 

I tried to drink it away
I tried to put one in the air
I tried to dance it away
I tried to change it with my hair

I ran my credit card bill up
Thought a new dress would make it better
I tried to work it away
But that just made me even sadder

I tried to keep myself busy
I ran around in circles

 

Think I made myself dizzy
I slept it away, I sexed it away
I read it away

Away, away, away, away, away, away
Away, away, away, away, away

Well it's like cranes in the sky
Sometimes I don't wanna feel those metal clouds
Yeah, it's like cranes in the sky
Sometimes I don't wanna feel those metal clouds

I tried to run it away
Thought then my head be feeling clearer
I traveled 70 states
Thought moving round make me feel better

I tried to let go my lover
Thought if I was alone then maybe I could recover
To write it away or cry it away
Don't you cry baby

Away, away, away, away, away, away
Away, away, away, away, away

But it's like cranes in the sky
Sometimes I don't wanna feel those metal clouds
Yeah, it's like cranes in the sky
Sometimes I don't wanna feel those metal

Away, away, away, away
Away, away, away, away, away